Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso

Praça Eng. Armando Rodrigues vai ser valorizada
publicado a 29 de maro de 2018

A mais emblemática praça da Póvoa de Lanhoso – a Praça Eng. Armando Rodrigues – entrou em obras, no dia 26 de março de 2018, porque vai ser valorizada.

O objetivo primeiro desta intervenção é responder às urgentes necessidades que atualmente se verificam e potenciar um novo fôlego de desenvolvimento e urbanidade no local historicamente mais representativo e emblemático da Póvoa de Lanhoso.

“Tivemos a preocupação de não desvirtuar a identidade desta praça, realizando uma intervenção que pretende, acima de tudo, melhorar o conforto de quem a usa e os espaços pedonais. As praças têm de estar preparadas para as pessoas, porque são pontos de encontro. É isso que vamos fazer, permitindo também uma maior área para o comércio. No fundo, estamos a dar mais vida a este espaço público central, que já carecia de um melhoramento”, refere oPresidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Avelino Silva.

A “Requalificação da Praça Eng.º Armando Rodrigues e envolvente” é, no essencial, constituída por uma intervenção de natureza infraestrutural que tem por objeto a Praça Engenheiro Armando Rodrigues e envolvente (Rua D. Elvira Câmara Lopes e Largo Barbosa e Castro).

Os principais trabalhos a levar a cabo são ao nível de arruamentos e passeios, iluminação, rede de águas pluviais, espaços verdes e rega. Está ainda prevista a criação de palco na Praça e de um passadiço sobre o ribeiro do Pontido.

Este é um projeto promovido pelo Município da Póvoa de Lanhoso e cofinanciado pelo Programa Operacional Regional do Norte - NORTE 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional, que conta com um investimento elegível de 658.691,91€, ao qual corresponde a comparticipação comunitária de 85% no valor de 559.888,12€.

Em virtude da realização destas obras de requalificação da Praça Eng. Armando Rodrigues, será efetuado o corte de trânsito na rua que se localiza entre a Farmácia da Misericórdia e a Farmácia Matos Vieira até 15 de maio de 2018.

Este projeto decorre do Plano de Ação de Regeneração Urbana (PARU) da Póvoa de Lanhoso, que conta, de entre outros com os seguintes objetivos:

:: Dotar a vila da Póvoa de Lanhoso de um espaço central de convivialidade atrativo, com níveis de conforto e de mobilidade melhorados e que contribua para a criação de uma linguagem urbanística comum ao sistema de praças e ruas principais deste centro urbano

:: Tornar o centro da vila num verdadeiro espaço de fruição coletiva e de convivialidade, com uma qualidade e imagem diferenciadora

:: Melhorar as condições de habitabilidade dos residentes e atrair a fixação de novos residentes, nomeadamente população mais jovem e qualificada

:: Estimular dinâmicas de reabilitação do parque edificado privado

:: Promover a qualificação urbanística do espaço público da vila, adequando as suas características físicas, materiais e funcionais às exigências atuais em matéria de conforto, de segurança e de mobilidade suave

Intervenções previstas em:

Arruamentos e passeios

Os arruamentos envolventes à Praça serão reperfilados para aumentar a área de passeios de bordadura dos edifícios existentes. O estacionamento será deslocado para o lado oposto dos edifícios, libertando toda a frente comercial que, pelo alargamento substancial dos passeios, tornar-se-á mais convidativa às atividades comerciais. Transferir-se-ão os passeios de bordadura para o interior do jardim, utilizando essa área para aumentar o passeio adjacente ao comércio do lado oposto. O percurso pedonal far-se-á pelo interior do jardim, com vantagens de segurança, conforto e aprazibilidade.

A rua D. Elvira Câmara Lopes que liga a Praça à Feira será transformada em percurso pedonal e ciclável, com acessibilidade condicionada a veículos. O Largo Barbosa e Castro também.

Passadiço

Será construído um passadiço sobre o Ribeiro do Pontido em estrutura metálica que incrementará a mobilidade da população dentro da Vila.

Palco

Será criado um palco que potenciará a realização de atividades culturais e eliminará os equipamentos ocasionais que, nos dias festivos, ocupam a Praça.

Iluminação

Serão instaladas luminárias LED, localizadas de acordo com as novas funcionalidades da Praça.

ITUR

Contempla a instalação de infraestruturas do tipo ITUR Pública.

Hotspots

Instalação de equipamento de acesso à Internet.

Rede de águas pluviais

Será reformulada.

Mobiliário urbano

Será mantido e restaurado o existente.

Espaços verdes e rega

As plantações propõem complementaridade entre a salvaguarda dos exemplares arbóreos existentes e o reforço da plantação perimetral e no interior da praça. O sistema de rega destina-se às áreas relvadas em torno das superfícies pavimentadas.