Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso

Requalificação da EB Gonçalo Sampaio será uma realidade no próximo Verão
publicado a 21 de maro de 2018

O contrato de empreitada referente às obras de requalificação da Escola Básica Gonçalo Sampaio foi assinado, na manhã desta quarta-feira, nos Paços do Concelho. “Esta é mais uma excelente notícia para a Póvoa de Lanhoso e vem responder a anseios legítimos e antigos de toda a comunidade, o que nos deixa felizes”, refere o Presidente da Câmara Municipal da Póvoa de Lanhoso, Avelino Silva.

Estima-se que, decorridos os trâmites legais, as obras possam arrancar nas férias de Verão, num estabelecimento de ensino por onde passaram gerações e gerações de Povoenses.

É consensual que a referida Escola necessita de uma intervenção urgente, sendo disso prova o relatório efetuado pela DGEstE – DSRN e o acordo de colaboração para a requalificação e modernização das instalações estabelecido entre a Autarquia e o Estado através do Ministério da Educação.

Em funcionamento desde o ano letivo 1984/1985, a Escola está edificada de forma dispersa (em 5 blocos mais o pavilhão desportivo, ao qual acresce ainda um pavilhão pré-fabricado) devido à acentuada diferença de cotas existente no terreno disponibilizado para a sua construção. Esta realidade condicionou fortemente a implantação e execução originais dos blocos, dispersando-os em diversos patamares, o que influencia a acessibilidade aos mesmos, tendo por isso sido projetadas várias escadarias ou planos inclinados. A solução existente também apresenta uma distribuição que obriga os alunos a fazer um longo percurso até chegarem à entrada de cada bloco.

Associado a este desenho que atualmente se revela desadequado, a soluções construtivas desajustadas e potencialmente causadores de diferentes problemas, a Escola apresenta um nível de degradação significativo, decorrente do funcionamento pleno das instalações, tendo em conta que, para além do currículo normal, neste estabelecimento existe uma oferta formativa diversificada.

Esta realidade deu portanto origem à elaboração por parte da Autarquia de uma candidatura para a requalificação da escola. A operação “Requalificação e Modernização das Instalações da Escola Básica Gonçalo Sampaio” foi candidatada e aprovada no âmbito do Programa Operacional Regional do Norte – Norte 2020. Esta operação visa realizar obras de requalificação e modernização nos blocos, A, B, C, D e E no prazo de 12 meses após a adjudicação da empreitada. O investimento total elegível da operação é de 2.500.000€, financiados a 85% pelo FEDER – Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.